Jesus é o verdadeiro templo: uma resenha do livro “O templo e a missão da igreja”

0
234

BEALE, Gregory K. O templo e a missão da igreja: Uma teologia bíblica sobre o lugar da habitação de Deus. Trad. Lucília Marques. São Paulo: Vida Nova, 2021, 480p.

Partindo do texto bíblico de Apocalipse 21.1-2, o livro apresenta uma teologia bíblica cuidadosa e abrangente. Ele argumenta que o tabernáculo e os templos do Antigo Testamento foram simbolicamente projetados para apontar para a realidade do tempo do fim de que a presença de Deus, anteriormente limitada ao Santo dos Santos, seria estendida por todo o cosmo. Dessarte, a visão de João em Apocalipse 21 representa os novos céus e nova terra como o Templo Escatológico.

Gregory K. Beale é natural do Texas, estudou na Universidade Metodista do Sul e no Seminário Teológico de Dallas. Fez seu doutorado na Universidade de Cambrigde, onde defendeu a tese sobre o uso do livro do profeta Daniel na literatura apocalíptica judaica e no Apocalipse de João.

Lecionou Novo Testamento e Teologia Bíblica no Seminário Teológico de Westminster, onde foi titular da cátedra J. Gresham Machen de Novo Testamento. Recentemente, foi nomeado professor de Novo Testamento no Seminário Reformado de Dallas. Ele se destacou no campo de estudo do relacionamento entre o Antigo e o Novo Testamento.

Beale é autor de vários livros, entre eles Redemptive Reversals and the Ironic Overturning of Human Wisdom: The Ironic Patterns of Biblical Theology: How God Overturns Human Wisdom, The Erosion of Inerrancy in Evangelicalism: Responding to New Challenges to Biblical Authority publicados pela Crossway, Comentário do uso do Antigo Testamento no Novo Testamento, Manual do uso do Antigo Testamento no Novo Testamento, O uso do Antigo Testamento no Novo Testamento e suas implicações hermenêuticas, Você se torna aquilo que adora e Teologia bíblica do Novo Testamento, publicados por Edições Vida Nova. Além de seu aclamado Comentário do Apocalipse, publicado no Brasil pela Editora Cultura Cristã, Edições Loyola também publicou uma versão resumida do livro O templo e a missão de Deus.

O templo e a missão da igreja foi publicado originalmente na prestigiada série New Studies in Biblical Theology da InterVarsity Press, uma série de textos que abordam questões-chave da teologia bíblica. A edição ora resenhada traz dois prefácios, um do autor e outro de sua esposa, a quem Beale agradece o encorajamento para escrever a obra.

Na introdução, o autor faz um apanhado do tema do tabernáculo/templo em toda a história bíblica. Ele argumenta que o significado e o simbolismo do templo se baseiam em ricos pressupostos histórico-culturais, como a literatura judaica do Segundo Templo e a literatura do Antigo Oriente Próximo.

Nos 12 capítulos seguintes, o autor fundamenta exegeticamente sua teologia e traz novas abordagens a textos bem conhecidos. Ele analisa diversas passagens do Novo Testamento (Atos 7, Hebreus 10-12, Efésios 2, 1Coríntios 6 etc.) para explicar o significado tipológico das declarações do Antigo Testamento, especialmente dos profetas Isaías, Ezequiel e Daniel. No último capítulo, ele se preocupou em apresentar reflexões e aplicações práticas para a igreja hodierna.

No tratamento dos textos do Antigo Oriente Próximo, Beale defende a tese de que os templos pagãos tinham elementos de verdade, mas, por conta do pecado, eles distorceram essa verdade original.

O povo da Antiga Aliança foi convocado para construir um templo e manter fiel a adoração e o mundo seria abençoado. Beale ensina que Jesus é o verdadeiro templo e que os antigos templos eram modelos que se cumpriram em Cristo. Beale afirma que os crentes da Nova Aliança, em virtude da fé, são parte do verdadeiro Templo. Na segunda vinda, o Templo será concluído, pois a glória do Senhor cobrirá toda a terra.

Destaco a profunda análise feita sobre o Templo e o homem da iniquidade em 2Tessalonicenses e a visão do templo ideal em Ezequiel 40-48. Contrariando a visão popular, que aguarda a construção de um terceiro templo, para Beale, o templo é “uma visão figurada de um templo celestial real que desceria e seria estabelecido na terra em forma não estrutural nos últimos dias” (p. 371).

A edição brasileira tomou o cuidado de manter o índice das passagens bíblicas, das fontes antigas, como os Manuscritos do Mar Morto, a literatura patrística, os textos do Antigo Oriente Próximo e da literatura judaica, cristã e o índice onomástico. A tradução foi bem-feita e manteve a essência do elegante estilo de Beale.

Recomendo a leitura. O templo e a missão da igreja é uma ferramenta essencial para estudantes de teologia, pastores e professores, assim como leitores que procuram uma melhor compreensão do ensino da Teologia Bíblica.

Esta brilhante exposição de Beale ilumina o tema do Tabernáculo e do Templo ao longo da Bíblia e revela como seu significado e simbolismo podem ser mais bem compreendidos à luz do contexto e dos pressupostos do antigo Oriente Próximo. Beale apresenta não só novas percepções sobre o significado do templo no Antigo e no Novo Testamento, mas mostra como a visão do templo em Apocalipse 21 e 22 se relaciona com os cristãos e com nosso papel no cumprimento da missão da igreja. Como afirma Beale, "Nós, como povo de Deus, já começamos a ser o templo de Deus do fim dos tempos, onde a presença dele é manifesta ao mundo, e devemos ampliar os limites do novo jardim-templo até que Cristo retorne, quando, finalmente, esses limites se estenderão a todo o mundo".

Publicado por Vida Nova.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here