Em pré-venda: “Se Deus existe, por que existem ateus?”

0
56
R. C. Sproul (1939-2017)

Inspirando-se em Freud e Marx, ateus frequentemente recorrem à psicologia a fim de tentar minar a crença em Deus, pois, para Freud, a crença em Deus surge da culpa e do medo da natureza; para Marx, a crença em Deus e a religião são apenas o ópio do povo, isto é, um tipo de droga para fugir da realidade. Seria Deus uma mera projeção de nossos desejos? Seria Deus uma mera invenção proveniente de nossas carências psicológicas a fim de remediar a realidade? No livro Se Deus existe, por que existem ateus? A descrença e a fuga de Deus, R. C. Sproul vira a mesa do debate analisando a psicologia do ateísmo e indica como a descrença representa a fuga de um Deus santo, onipotente, onipresente e onisciente que cobra responsabilidade moral dos seres humanos. Sproul aponta a busca por autonomia humana como a raiz psicológica para o ateísmo.

Adquira já o livro em pré-venda com 20% de desconto clicando aqui.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here