Número 87, Ano 2021, ISSN 2238-0388

0
1360

Já está disponível mais uma edição da revista Teologia Brasileira! Nesta edição, apresentamos um texto de Antonio Vitor Marques sobre as críticas de Eric Voegelin ao protestantismo, oferecendo uma resposta à instrumentalização indevida do filósofo alemão por parte de católicos olavistas.

Em um ensaio bastante atual, Alan Rennê Alexandrino aborda uma nova tendência que tem estado presente em diversos púlpitos evangélicos: a teologia do coaching. Por ser de natureza eminentemente antropocêntrica, Alan nos mostra como essa teologia é nociva aos cristãos e à igreja.

Fabrício Sobrosa, por sua vez, oferece um texto em que comenta e destaca o valor do documento confessional denominado de a Fórmula de Concórdia. Em seu artigo, Fabrício apresenta um estudo sobre o conceito luterano de justiça ativa na Fórmula de Concórdia.

Por fim, Thomas Magnum nos conduz a uma reflexão sobre escatologia, construindo suas bases a partir da cosmovisão cristã. Para Thomas, quando tratamos de estabelecer uma cosmovisão evocando o motivo básico de criação, queda, redenção e consumação, estamos fazendo escatologia.

No vídeo desta edição, oferecemos uma palestra de Paulo Romeiro apresentada durante o Congresso de Teologia Vida Nova de 2018. Paulo fala sobre o papel da experiência cristã no pentecostalismo, advertindo-nos contra os excessos e resgatando experiências genuínas que estão em conformidade com a Palavra de Deus.

Boa leitura!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here